Motorista fica preso às ferragens após grave acidente na Rodovia Washington Luís, em Matão
[email protected] (Direto da redação -)
Motorista fica preso às ferragens após grave acidente na Rodovia Washington Luís, em Matão
[email protected] (Direto da Redação -)

Leia ainda:
Faca da vítima e silêncio em depoimento; saiba as novidades sobre caso de latrocínio em Araraquara.
Ala para adultos na UPA Central será desativada em Araraquara; pediatria segue funcionando.




Um grave acidente, registrado na madrugada desta terça-feira (11), deixou o motorista do veículo, VW/Voyage, preso às ferragens. A colisão ocorreu por volta das 5h30, na Rodovia Washington Luís (SP-310), próximo ao trevo de entrada da Avenida Armando Marchesan, em Matão.

Segundo as primeiras informações, o carro colidiu violentamente em uma carreta de um bi-trem enquanto trafegava em direção à capital. A força do impacto causou danos ao carro, deixando o motorista, de 43 anos, preso às ferragens.

Carro ficou destruído


Unidades de Suporte Avançado (USA) do Serviço Móvel de Urgência (Samu) e equipes de salvamento do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atender a vítima que estava inconsciente e precisou ser reanimado pelos socorristas no local.

O motorista foi levado ao Pronto Socorro do Hospital Carlos Fernando Malzoni, com suspeitas de fraturas e em estado aparentemente grave, para passar por exames e avaliação médica.

O condutor do caminhão relatou que estava dirigindo pela rodovia quando sentiu um forte impacto na carreta. Ele conseguiu parar o veículo cerca de cem metros adiante e imediatamente chamou as unidades de emergência.

Viaturas da Polícia Militar de Matão prestaram apoio no local até a chegada da equipe da Polícia Rodoviária. Além disso, os socorristas e a equipe de atendimento da Concessionária que administra a rodovia ajudaram na sinalização e na coordenação do tráfego para garantir a segurança na área do acidente. O estado de saúde da vítima ainda não foi informado.

Com informações: Matão Urgente.

    Mais Recentes

      Comentários

      Clique aqui e deixe seu comentário!